Concurso Nacional da Orla Noroeste de Vitória

Local: Vitória, ES
Status: concurso
Projeto: 2014
Equipe:
Bernardo Richter
Fernando Caldeira de Lacerda
Pedro Amin Tavares
Fábio Domingos Batista
Igor Costa Spanger
Luciano Suski
Helena Engelhardt
Moacir Jancopé Júnior

colaboradores:
Karin Luciana Klassen
Priscila Vicentim
Rodolfo Scuiciato
Simone Born




A proposta de urbanismo, paisagismo e arquitetura para a Orla Noroeste de Vitória adotou como diretriz os condicionantes expostos no Termo de Referência, atendendo aos princípios da função social da cidade

A proposta consiste na implantação de passeios, ciclovias, espaços de encontro, de estar e de lazer com linguagem similar em toda extensão do objeto deste concurso, respeitando a singularidade de cada área de intervenção e promovendo a integração visual e a continuidade urbana necessária para qualificação homogênea de toda a Orla Noroeste.

As diretrizes principais que nortearam a proposta são:
1 Aplicação de materiais neutros, contemporâneos, de fácil execução e alta durabilidade, como o metal, concreto e a pedra.
2 Reversibilidade em áreas ambientais frágeis através da aplicação de decks apoiados sobre estrutura metálica.
3 Adoção de estruturas leves, neutras, valorizando o entorno e as visuais.
4 Arquitetura como componente paisagístico. Procurou-se evitar a inserção de edifícios que se destacam demasiadamente na paisagem, pois a arquitetura inserida no ambiente cultural da Orla Noroeste deve complementar a paisagem de forma discreta e neutra.
5 Acessibilidade e mobilidade tendo o pedestre como ator principal. Buscou-se o caminhar confortável e seguro, com a disposição de áreas de descanso, lazer e encontro durante todo o trajeto.

Buscou-se a confecção de espaços que propiciem encontros casuais, lugares de atividades de trocas e interação, promovendo assim a apropriação criativa do lugar através de ações que transformam o espaço público e conseqüentemente a cidade em um lugar de encontro.